domingo, 23 de outubro de 2011

das nossas reflexões

Temos o hábito  cá em casa, de tempos a tempos, de reflectir sobre a nossa vida. Não é discutir os problemas. Isso fazêmo-lo sempre que os há, de uma forma emocional. As reflexões não são tão emocionais; são vistas como uma sequência de slides projectados na nossa mente. Em cada um tecemos comentários críticos. O ponto de partida é sempre o mesmo. Começa há alguns anos atrás. Assumimos que a vida não foi fácil e onde não faltou o desemprego, a morte, a quase-loucura, a solidão. E descobrimos que poucas coisas poderiam ter sido diferentes
Ontem assumimos que, nestes anos todos, não estaríamos prontos para esta fase que estamos a atravessar. Se em todas as outras vivemos para  os outros, esta é a fase que estamos finalmente a viver para nós. Estou feliz por isso.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Tens alguma coisa para dizer? Obrigada por partilhares! ;)