segunda-feira, 16 de abril de 2012

sonhar pouco ou a dormir

Às vezes fico com ideia que não me é permitido sonhar. Nem demasiado longe. Nem demasiado alto.

[sim, hoje não me recomendo. Amanhã talvez tenha passado. Talvez o silêncio me faça bem.]

7 comentários:

  1. Vamos fazer um trato silencias desse lado que eu silencio deste... as tuas palavras podiam ser minhas hoje.
    Besitos corazón

    ResponderEliminar
  2. Lemon,

    Desejo que isso também passe depressa.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Lemon,

    Ainda bem; ando a tratar do mesmo por aqui.

    ResponderEliminar
  4. Há dias assim...
    E chorar por vezes renova o epírito e lava a alma.
    Tudo correrá bem, Alice.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  5. Sara,

    Pois há dias destes, como bem sabes. tu que também és uma lutadora.

    Irá correr bem, espero que sim. Tenho de saber esperar. Afinal, nestes últimos anos não faço eu outra coisa que esperar que aconteça. Terei de espear mais um pouco. ser paciente e esperar que esteja tudo bem, para continuar o caminho.

    Beijinho grande e tudo de bom com o novo rebento em casa.

    ResponderEliminar
  6. Também sou pelos silêncios quando não há palavras que chegam para acalmar o coração. E pelas lágrimas sempre que até mesmo os silêncios sejam insuficientes.

    Um abraço apertado!

    ResponderEliminar

Tens alguma coisa para dizer? Obrigada por partilhares! ;)