quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Pensar demasiado



Nos últimos tempos, dou por mim a pensar nas coisas que devia ter feito, ao longo destes anos, e não fiz.
Este é o pior dor remorsos, porque raramente me arrependo do que fiz. Talvez porque pondere demasiado antes de fazer seja o que for.
Agora, se ainda for a tempo, tento recuperar o que deixei lá atrás. Há coisas irrecuperáveis. É a vida.

8 comentários:

  1. É a vida. O importante é que consigas recuperar pelo menos algumas, se for esse o teu desejo. Quanto às irrecuperáveis, não vale a pena continuares a pensar no que poderias ter feito diferente pois acabas a perder tempo para coisas que podes fazer agora.

    Um beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. carla,

      bem verdade o que dizes. não vale a pena perder tempo a pensar nos irrecuperáveis e tentar restaurar o que aind é possível.

      beijinho e espero que fiques bem.

      Eliminar
  2. Pensar demasiado, um dos meus principais males...
    Beijinho minha querida!

    ResponderEliminar
  3. Querida Daisy,

    temos de começar a tratar de contrariar isto, ou andamos sempre com o passado A pesar demasiadp sobre as nossas costas.

    beijinho

    ResponderEliminar
  4. Opinante,

    Sê bem-vinda!

    Podemos agir quando nos deixam. :)

    Mas,tens razão! Que nada fique por fazer!

    Bjs e obrigada pela visita

    ResponderEliminar
  5. Vive o hoje e o agora e faz!!! Para que daqui a 1, 5 ou 10 anos n andes a pensar o mesmo... olha, podes começar por uma coisa simples: o queijo fresco ;)

    Bjs xx

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Paulinha,

      É verdade o que dizes. tenho tentado manter essa máxima em prática.

      Quanto ao queijo, estou mesmo tentada a fazê-lo. Não tenho bimby mas creio que também dá sem bimby.

      Fiquei encantada com a ideai. E eu adoro queijo fresco.

      Bjs e obrigada pela visita

      Eliminar

Tens alguma coisa para dizer? Obrigada por partilhares! ;)