quinta-feira, 31 de março de 2016

falando de amores mais antigos

Agora que a série Macgyver vai voltar com novo elenco tenho de admitir que fui muito, muito  (estupidamente) apaixonada pela actor da série, nos anos 80. Achava-o lindo. Umas mãos fantásticas [sempre em foco].
Uma paixão daquelas de sofrimento, com direito a posters, cromos e todas as notícias que se relacionassem com o homem. 
Acho que foi uma das quatro paixões platónicas da minha vida. Três delas passadas na adolescência. A juntar ao Richard, apaixonei-me mais tarde pelo Kevin Kostner (nem me perguntem porquê, mas eu achava-o bem charmoso) e o meu professor de filosofia do 11º ano. A última paixão platónica foi na idade adulta, com o homem de olhos verdes mais bonitos que eu conheci até hoje.

Será que fui só eu que me apaixonei por aqueles actores? (não pergunto sobre o professor, porque não me consigo lembrar do nome, mas deve haver gente de Braga que o conheça...)

2 comentários:

  1. Sou uma anormal...nunca tive nenhuma platónica...no meu quarto nunca houve um poster.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maria do Mundo

      Sabes que ainda assim ninguém tinha destas paixonetas. Não tinha nenhuma amiga "apaixonada" pelo McGyver. Os posters eram guardados religiosamente, não estavam pendurados no quarto. Eu tinha mesmo fascinação pelo homem, mas nestas coisas sou bastante anormal. Sou um bocado "Low profile". Nunca correria atras de ninguém por um autografo ou foto.

      Estes meus amores platonicos foram bem guardadinhos...

      Eliminar

Tens alguma coisa para dizer? Obrigada por partilhares! ;)