não é só malhar

A dona do ginásio onde ando tem uma pedalada... acho que as duas juntas, ninguém nos atura. mas pelos vistos, ainda há quem queira arriscar a missão.
se as pessoas acham que eu nunca me calo e nunca páro, ela não se fica atrás. confesso que a admiro. hoje estivemos um bocadinho a conversar e ela contou-me uns pedacinhos da vida dela, antes do treino. Também para me ajudar a descontrair para a medição da pressão arterial que, antes do treino, está sempre alta. [sim, já tenho o cardiologista marcado. a contragosto, mas sim, eu vou]
O joelho voltou a doer-me, porque ontem andei a laurear a pevide em sandalinhas de salto alto. O PT hoje deu-me nas orelhas, porque ainda não devia andar nessas tropelias. eu bem choramiguei mas, mesmo assim, não fui aliviada nos exercícios. não é tirano mas não facilita nada.

No final do treino, já numa de descontracção, a dona do ginásio propôs que um dia destes combinássemos uma saída à noite. alinhei logo. O meu PT prestou-se de imediato para tomar conta das duas. com a condição de eu ir de  sapatilhas, nada de saltos altos.

Ele tem muita paciência, mas aturar as duas, não vai ser pêra doce. e se houver mais alguma como nós, não sei se vai ter paciência que chegue. mas vamos ter as costas bem guardadinhas. Disso, não tenho dúvida nenhuma.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

É parvo e não muda nada...

nada que consiga com palavras simples

Antes que isto se fine, falarei da Vida. Bonita. De alguém bonito.